Bem-vindo!

Blog Damásio

Compartilhar

Concurso TCE AM: formada comissão para 217 vagas

Já está definida a comissão organizadora do concurso TCE AM  (Tribunal de Contas do Estado do Amazonas), após a autorização ter sido registrada no último dia 03 de setembro. A oficialização da comissão foi publicada, nesta quinta-feira (17), em diário oficial.

A comissão será presidida pelo conselheiro-presidente Mario Manoel Coelho de Mello, tendo como vice-presidente o vice-presidente conselheiro Érico Xavier Desterro e Silva e como coordenadora  a servidora Beatriz de Oliveira Botelho. 

O grupo conta, ainda, com os seguintes membros: Charles Almeida e Silva, Patricia Augusta do Rego  Monteiro Lacerda e Carla Roberta Tiradentes. 

O próprio presidente do órgão, conselheiro Mario de Mello, que também é presidente da comissão organizadora, já havia ressaltado que a necessidade de pessoal é tanta que se o concurso não for realizado em até dois anos os trabalhos do órgão se tornarão inviáveis. Além disso, reforça, existem 304 aposentadorias que precisam ser repostas.  “Nestes últimos anos tivemos uma redução sistemática do quadro de servidores efetivos ou estáveis, fundamentalmente em razão da evolução etária e de tempo de serviço dos servidores mais antigos na casa, o que tem redundado em elevado número de inativações. E justamente com o escopo de recompor nosso quadro de pessoal, a Diretoria de Recursos Humanos, juntamente com a Secretaria Geral de Administração, elaboraram um estudo com o histórico de ocupação e vacância de cargos no Tribunal, principalmente com o advento da Lei n° 4.743/2018 que estabeleceu alguns preceitos de regência do quadro funcional do TCE/AM”, disse, em 3 de setembro.

A seleção já conta, inclusive, com banca organizadora definida. A escolhida é a Fundação Getúlio Vargas (FGV), cujo contrato deve ser assinado em breve. 

O concurso TCE AM contará com um oferta de 217 vagas, destinadas ao cargo de auditor técnico de controle externo, em diversas áreas de atuação. Para concorrer é necessário possuir formação de nível superior, com remuneração inicial de R$ 8.328,77. A publicação do edital de abertura de inscrições está prevista para ocorrer em janeiro. 

Do total de vagas, 173 serão para a área de auditoria governamental, 9 para auditoria de obras públicas, 15 para auditoria na área de tecnologia da informação e 20 para cargos do Ministério Público de Contas.

Para auditoria governamental são aceitos candidatos com formação em administração, arquivologia, biblioteconomia, ciências atuariais, ciências contábeis, ciências econômicas, direito, geologia, jornalismo, medicina, pedagogia, psicologia e odontologia. 

Para controle externo é necessário possuir formação em direito e para auditoria de obras públicas, arquitetura, engenharias ambiental,   elétrica, eletrônica, de estrada, mecânica, naval, de pesca, de petróleo e gás e de transporte ou logística. 

Último concurso TCE AM

O último concurso TCE AM ocorreu em 2013, quando foram oferecidas 27 vagas, somente para cargos com exigência de nível superior. As oportunidades foram para as carreiras de analista técnico de controle externo – Ministério Público (22)  e analista técnico de controle externo – auditoria governamental, com 5 postos.

A banca organizadora, na ocasião, foi a Fundação Carlos Chagas.

Gostou do conteúdo? Ficou interessado em algum concurso para 2020? Então fique de olho na abertura dos editais para concurso público  e continue acompanhando nossas notícias para se manter informado.

Gostaria de saber mais sobre nossos cursos?

Li e concordo com a política de privacidade, bem como com o tratamento dos meus dados para a finalidade prevista neste formulário. Ao continuar, você aceita que a DAMÁSIO e demais instituições de ensino do mesmo Grupo Econômico entrem em contato.