Bem-vindo!

Blog Damásio

Compartilhar

Concurso de Goiânia GO: edital para 1,6 mil vagas deve ser publicado amanhã (20)

O concurso de Goiânia, em Goiás, foi anunciado pelo prefeito Iris Rezende (MDB) no salão do Paço, durante assinatura de contrato com a banca organizadora, a Universidade Federal de Goiás (UFG), na última terça-feira (18). De acordo com informações da prefeitura, o edital da seleção deve ser publicado amanhã, dia 20 de fevereiro.

A seleção contará com nada menos do que 1.621 vagas, distribuídas por diversos cargos, com opções em todos os níveis de escolaridade.

O concurso será para oportunidades em diversas secretarias, como Secretaria Municipal de Assistência Social (Semas), Educação (SME), Saúde (SMS) e guarda civil metropolitana.

De acordo com o secretário de administração (Semad), Agenor Mariano, o concurso é uma necessidade da prefeitura, que passou por ajustes financeiros nos últimos anos e agora tem condições de realizar a seleção. “As secretarias com mais vagas neste certame serão educação, saúde e assistência social, além do guarda civil metropolitana”, disse.

“A prioridade é para aquelas funções que lidam com atendimento direto à população de Goiânia”, disse. “Antes, apenas quem era da elite assumia funções no serviço público. O sistema evoluiu e hoje as pessoas motivadas e que estudam, principalmente os jovens, podem competir de igual para igual. Senti as injustiças do passado e vejo hoje grandes avanços na área. Vamos enriquecer Goiânia com servidores capacitados”, disse o prefeito Iris Rezende.

No caso de assistência social este deverá ser o primeiro concurso realizado. Até então, a pasta havia contratado pessoal apenas em caráter temporário. Entre os cargos oferecidos deverão existir opções para psicólogo, assistente social, nutricionista e entrevistador.

Somente para a área de assistência social, no concurso de Goiânia GO serão oferecidas 505 vagas efetivas, enquanto para cargos na área de saúde serão 673 postos. Para a educação, o edital deve contar com aproximadamente 800 oportunidades.

Segundo o secretário de administração, o resultado final do concurso deverá ser homologado até junho, permitindo o início da convocação dos aprovados antes do período eleitoral, tendo em vista que a lei proíbe contratações, em período eleitoral, três meses antes e três meses depois do pleito, em concursos homologados após três meses antes do primeiro turno das eleições.

Gostou do conteúdo? Ficou interessado em algum concurso para 2019? Então fique de olho na abertura dos editais para concurso público  e continue acompanhando nossas notícias para se manter informado.

Gostaria de saber mais sobre nossos cursos?

Li e concordo com a política de privacidade, bem como com o tratamento dos meus dados para a finalidade prevista neste formulário. Ao continuar, você aceita que a DAMÁSIO e demais instituições de ensino do mesmo Grupo Econômico entrem em contato.