Bem-vindo!

Blog Damásio

Compartilhar

Concurso Sefaz AL: secretário diz que edital sai ainda em setembro

O concurso Sefaz AL (Secretaria da Fazenda de Alagoas) deve ter o seu edital publicado ainda mês de setembro. O secretário estadual da fazenda, George Santoro, afirmou em suas redes sociais que edital já está pronto e segue para análise da PGE-AL (Procuradoria Geral do Estado). A instituição estadual já possui a banca organizadora do certame, o Cebraspe. Conforme informações preliminares, as provas objetivas estão previstas para ocorrer no mês de janeiro.

Para concorrer às carreiras é necessário possuir formação de nível superior para o ingresso, com iniciais de R$ 11,5 mil para auditor fiscal e R$ 8 mil para auditor de finanças. Ao todo serão oferecidas 85 vagas, sendo 60 para o cargo de auditor fiscal da receita estadual e 25 para auditor de finanças e controle de arrecadação.

Saiba como foi o último concurso Sefaz AL

O último concurso Sefaz AL para auditor ocorreu em 2002, quando também foram oferecidas oportunidades para os cargos de agente controlador de arrecadação e técnico de finanças, todos com exigência de nível superior. A organizadora, na ocasião, foi o Cespe/UnB  e para os três cargos a prova objetiva foi composta de 40 questões, sendo 20 de conhecimentos gerais e 20 de conhecimentos específicos.

No caso de fiscal de tributos, a parte de conhecimentos gerais incluiu temas de:

  • língua portuguesa,
  • matemática financeira e estatística básica,
  • direito,
  • conhecimentos de informática,
  • economia e finanças públicas e
  • ética no serviço público.

Já em conhecimentos específicos, contabilidade geral, legislação tributária estadual e direito tributário.

Para agente controlador de arrecadação, em conhecimentos básicos, os temas foram sobre língua portuguesa, matemática financeira e estatística básica, noções de direito, noções de finanças públicas, ética no serviço público e contabilidade geral. Em conhecimentos específicos, noções de legislação tributária estadual, noções de direito tributário e tecnologia da informação. Por fim, para técnico de finanças, em conhecimentos gerais: língua portuguesa, matemática financeira e estatística, noções de legislação tributária estadual e de direito, conhecimentos em informática e ética no serviço público. Em conhecimentos específicos: contabilidade e auditoria e economia, gestão e finanças públicas.

Gostou do conteúdo? Ficou interessado em algum concurso para 2019? Então fique de olho na abertura dos editais e continue acompanhando nossas notícias para se manter informado. 

Gostaria de saber mais sobre nossos cursos?

Li e concordo com a política de privacidade, bem como com o tratamento dos meus dados para a finalidade prevista neste formulário. Ao continuar, você aceita que a DAMÁSIO e demais instituições de ensino do mesmo Grupo Econômico entrem em contato.